CF DANTE ROMANÓ JÚNIOR

Rua Carolina Machado, s/n - Marechal Hermes - Rio de Janeiro - RJ | CEP: 21557-150 | ☎ Telefone: (21) 2489-6838
Funcionamento: Segunda-feira a Sexta-feira das 08h às 20h
Gerente: Simone Nunes Machado | CNES 7108265 - ESF: 08 | ESB: 03

COMO CHEGAR FALE CONOSCO

Serviços e Metas

Acolhimento

Orientações sobre o nosso atendimento.

Saiba Mais

Nossas Metas

Ações em prol de assegurar a saúde com qualidade.

Saiba Mais

Multimídia

Acesso ao conteúdo audiovisual da unidade.

Saiba Mais

Nossa Equipe

Nossos profissionais e território de atuação

Saiba Mais

Postagens Recentes

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

BUSCA ATIVA DE CADERNETAS DE VACINAÇÃO - EQUIPE MÁRIO HERMES AGINDO







Atenção responsáveis: Mantenham a vacinação de seus menores e jovens em dia. 
Que as vacinas são importantes, todos nós já estamos carecas de saber. Mas apenas quem já levou uma criança para ser vacinada sabe quão complicado pode ser o momento. E não há Zé Gotinha que consiga fazer o momento ser mais tranquilo!
O post de hoje traz um assunto bastante polêmico, porém necessário, que é a importância da vacinação. É um assunto bastante importante, principalmente, tendo em vista alguns movimentos “anti-vacina” que têm surgido no Brasil e no mundo. É uma questão de dever que envolve a saúde e o bem-estar dos pequenos. Nada mais justo dedicarmos um tempo ao assunto, certo?
O que é vacina?
Esta uma pergunta que parece tão boba que, raramente, nos preocupamos com a resposta. O que é a vacina? Bem, pode-se dizer que é o medicamento que tem o objetivo, justamente, de impedir que você tenha determinada doença. Elas criam uma reação no sistema imunológico, estimulando a produção dos anticorpos e tornando o corpo imune àquela doença. A sua importância surge a partir da constatação de que é muito mais fácil e barato evitar a doença do que se submeter a ela e fazer qualquer tipo de tratamento.
A vacina foi criada entre os séculos XVIII e XIX, após uma série de estudos em torno da raiva dos animais que, até então, era frequentemente transmitida a seres humanos. Mas o principal e mais notável avanço com as vacinas veio na década de 1960, quando foi criada a prevenção contra a Paralisia Infantil. Sim, a famosa “gotinha”.
No Brasil, as vacinas vêm sendo utilizadas desde o início do século XX, o que foi um fator muito importante para o nosso desenvolvimento. Isso porque as capitais, até então, não possuíam saneamento básico e as pessoas ainda morriam por doenças como a febre amarela e a varíola. O Brasil possui um dos programas de vacinação infantil mais eficientes do mundo, conseguindo, inclusive, erradicar a paralisia infantil, doença tão temida pelos pais.
Dessa forma, cresce a importância da vacina, não apenas no Brasil, mas em diversos países. Porém, com isso, surge também uma série de receios e crenças a respeito das vacinas que, na maioria das vezes, resultam na desinformação sobre o tema.
Dúvidas Comuns
– Vacinação é coisa apenas para as crianças?
Não! Embora a maioria das vacinas sejam destinadas às crianças, existem algumas que precisam ser tomadas na vida adulta. Isso pode depender do histórico que o adulto possui, com relação às doenças e as vacinas que foram tomadas durante sua vida. Ainda, algumas vacinas precisam de um reforço a cada período de dez anos, como, por exemplo, a vacina contra difteria e tétano.
– A Mulher grávida também pode ou deve ser vacinada?
Depende. A vacinação em mulheres grávidas é um assunto bastante delicado. Cada caso precisa ser avaliado separadamente, seja pelos postos de saúde ou por clínicas particulares. Vale lembrar que essas vacinas são, geralmente, recomendadas para doenças que são mais graves durante a gravidez e/ou que possam gerar riscos graves a saúde do bebê. São exemplos as vacinas contra influenza, coqueluche, tétano e hepatite.
– Podem-se tomar várias vacinas de uma só vez?
Sim! De acordo com especialistas, é recomendável. Dessa forma, você evita múltiplas agulhadas e idas aos postos de vacinação. Tomar várias vacinas ao mesmo tempo não aumenta as chances de ocorrerem os temidos efeitos colaterais.
– Quais as principais vacinas que as crianças precisam tomar?
Atualmente, o Brasil possui um dos mais completos programas de vacinação do mundo e contempla as mais fundamentais vacinas. Entre elas:
– Ao nascer, a criança deve tomar vacinas contra a hepatite e contra a tuberculose;
– Entre os 4 e 6 meses, a criança deve tomar vacinas contra o rotavirus, difteria, tétano, coqueluche, pólio, entre outras.
– Ao fazer um ano, a criança é vacinada contra o sarampo, rubéola, caxumba, etc.
É importante ressaltar que deve ser feito acompanhamento com pediatra, a fim de verificar o momento para aplicar as vacinas. Ainda, é possível se informar nos postos de vacinação. Essas são e sempre serão as principais fontes de informação quando tratamos da prevenção de doenças e da saúde dos pequenos.
– Após a vacinação, devo deixar a criança sem tomar água? Devo dar remédio para dor/febre?
Depende. Sempre que levar a criança para ser vacinada, os responsáveis nos postos de vacinação darão esse tipo de informação. Algumas vacinas podem dar febre nos bebês ou exigir que eles fiquem um período sem ingerir água ou sem chupar a chupeta, por conta do efeito da vacina. Nunca faça qualquer um desses procedimentos sem recomendação.
– E a vacina HPV? Devo levar minha filha pra tomar?
Este é um ponto bastante delicado. Recentemente, houve muita discussão a respeito dessa vacina, principalmente, por fatores religiosos. É recomendada a vacinação de meninas, a partir de seus nove anos, contra HPV. Embora seja, também, uma doença sexualmente transmissível, o Vírus do Papiloma Humano (HPV) se tornou uma preocupação na área da saúde. Isso ocorre porque o vírus causa uma série de doenças ginecológicas e aumenta o risco de câncer de colo do útero.
De qualquer forma, é sempre importante consultar um médico pediatra para se informar no assunto. Caso se sinta inseguro, consulte mais de um médico. O importante é se concentrar na saúde das meninas.
Enfim, como já foi dito, é um assunto bastante complexo. Porém, é indiscutível a importância das vacinas e, mais ainda, a importância de manter as vacinas das crianças atualizadas. É uma forma de proteção e cuidado que precisamos ter sempre em mente.
Como está a carteira de vacinação dos pequenos? Atualizada? Esperamos que sim. Compartilhe conosco suas experiências com a vacinação, sugestões, dúvidas, etc.



INÍCIO DE MÊS - REUNIÃO TÉCNICA NA DANTE ROMANÓ




Importante atividade para o aperfeiçoamento dos atendimentos.

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

EM RITIMO DE OLIMPÍADA A DANTE DA BOAS VINDAS À ROMÊNIA
















AINDA EM JULHO NA DANTE ROMANÓ

Grupo Bem vindo da Equipe Marapendi com Ação Educativa sobre Tuberculose e outros temas.




Saúde Bucal em casa. Dra. Ana Dardengo.



Além de fazer bem à saúde do bebê e da mãe, o aleitamento materno contribui para o desenvolvimento sustentável e a redução das desigualdades sociais. Essa é a mensagem da campanha deste ano da Semana Mundial da Amamentação! R2 Thayna Couto, realizando a sala de espera em nossa unidade no mês de julho.

terça-feira, 9 de agosto de 2016

FINAL DE JULHO NA DANTE ROMANÓ

 Residência de enfermagem com o tema Acolhimento mae/pai/bebe e banho humanizado.

Equipe Canaã orientando sobre TB no território.

Dia do Amigo na Academia Carioca.


segunda-feira, 18 de julho de 2016

ESCUTA DE QUALIDADE NO BEM VINDO DA MARAPENDI












Atenção exclusiva, orientação para futuros médicos da Estácio e Ação Educativa no Grupo Bem Vindo da Marapendi. Assuntos: TB, Preventivo; Colegiado Gestor; Funcionamento e Objetivo do Grupo; Diabetes e cuidados com pé de diabetes.


INFOGRÁFICO

7 Grupos de Saúde
em nossa unidade
2450 Kilômetros
é o tamanho da nossa área de abrangência
24824 Usuários
beneficiados por nossa clínica

Como eu Faço

Como eu Faço
Visita domiciliar, acolhimento e atividades de grupo
Vai Acontecer
Grupos e ações promovidos pela unidade que irão acontecer.
Conheça esta história
História contada por um ACS
Saúde nas Escolas
Integração com as escolas e creches locais.
Protagonismo Juvenil
Grupo de adolescentes que apóiam as ações de promoção da saúde existentes na unidade.
Integração
Saúde da Família e Vigilância em Saúde.
Integração
Ensino-Serviço-Comunidade
Academia Carioca
Processo de trabalho e os principais resultados obtidos pelos educadores físicos.

Contato

Fale Conosco

Entre em contato com nossa unidade, fale com nossos profissionais e tire suas dúvidas quanto aos nossos programas

Endereço

Rua Carolina Machado, s/n - Marechal Hermes

Funcionamento

De Segunda a Sexta das 08h às 20h

Telefone

(21) 2489-6838